• Preto Ícone YouTube
  • Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Instagram Preto

Projeto Renda-se chega a sua etapa final com desfile transmitido pelo youtube e exposição

 

Evento inédito no Brasil acontecerá nesta quinta-feira,
24 de setembro de 2020.

 

10 estilistas. 10 profissionais de maquiagem. 50 modelos. 23 rendeiras. Esses são apenas alguns dos números por trás da verdadeira maratona para a realização do desfile Renda-se - I Mostra de Moda Alagoana, que acontecerá nesta quinta-feira, 24 de setembro, no Espaço Armazém, com transmissão ao vivo pelo Youtube.

 

Num ano marcado pela paralisação das atividades culturais em decorrência da pandemia da Covid 19, produzir um evento desse porte configura um grande desafio que foi encarado como uma missão pela equipe responsável: ao mesmo tempo possibilitar ao público acesso democrático à cultura, e também gerar trabalho para dezenas de artistas, respeitando todas as medidas de segurança recomendadas pela Organização Mundial de Saúde. 

 

Idealizado pela arquiteta e produtora cultural Mirna Porto Maia, com realização da Ponto de Produção e patrocínio do Magazine Luiza por meio da Lei de Incentivo à Cultura, o desfile vai apresentar 10 coleções inspiradas no filé, criadas por 10 estilistas em parceria com 23 rendeiras de Alagoas. O projeto conta com a parceria da Escola Técnica de Artes  (ETA) e do Instituto do Bordado Filé de Alagoas (Inbordal),
 

Na sequência do desfile, uma exposição será realizada no Maceió Shopping apresentando as criações para o público,  durante o período de um mês.


“O projeto foi submetido à Lei de Incentivo e aprovado no ano passado, num momento completamente diferente do atual. Agora vamos fazer no formato de live, porém com uma produção muito elaborada e uma apresentação de impacto. Projetamos diferentes ambientes para garantir o distanciamento de todos os profissionais envolvidos, e vamos adotar os protocolos de segurança recomendados pela Organização Mundial de Saúde”, explica Mirna Porto.


“Vamos trabalhar a valorização do artesanato por jovens estilistas, por criadores, explorando as possibilidades infinitas que o produto artesanal possui, e que hoje, apesar de tudo, ainda é desconhecido, desvalorizado”, complementa a idealizadora e curadora. 


O projeto dá continuidade às ações fomentadas pelo Magazine Luiza em Alagoas, criando mais um evento que deve se consolidar na agenda cultural do estado. Responsável pela área de patrocínios da gigante varejista, Fábio Costa acredita que o Renda-se sinaliza a valorização da renda nordestina dando protagonismo ao trabalho manual e à sua relevância para a cultura alagoana. 

“Acredito que o objetivo, além da moda, estilo, conceito, é a valorização fiel da arte que as rendeiras fazem, esse balé das tramas que aos poucos se tornam uma obra de arte”, diz ele. 

 

SELEÇÃO

O Renda-se lançou um processo seletivo que escolheu cinco profissionais e cinco estudantes de moda da Escola Técnica de Artes da Ufal. A escolha buscou apresentar um panorama diverso do mercado da moda em Alagoas, reservando 50% das vagas para estudantes, e dentro deste recorte selecionando pessoas de diferentes perfis sociais, estilos artísticos  e diferentes idades.

O nomes selecionados para a categoria estudante foram: Dely Teodoro, Fênix Zion, Raianny Yulle, Sabrina Sena e Perigou. Já a categoria profissional conta com Alina Amaral, Augusto Christoff, Chiquinho Almeida, Júlia Calheiros e Nilda Rosa Leão.

 

SOBRE O MAGAZINE LUIZA 

O Magazine Luiza, fundado em 1957, é uma das maiores redes varejistas do Brasil, com mais de mil lojas e 12 centros de distribuição, estrategicamente localizados em 17 Estados (São Paulo – sede –, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Ceará, Pará, Piauí e Maranhão).
 

O Magazine Luiza tem em sua missão o compromisso com o desenvolvimento do País, nesse contexto, realiza investimentos sociais e culturais. A causa da democratização cultural passou a orientar recentemente esses investimentos pelo entendimento de que a experiência simbólica expressa na arte e na cultura é fundamental para a realização de todo ser humano. Assim, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, a empresa busca contribuir para a ampliação e melhoria das opções, das experiências e do acesso da população, a criações artísticas, prioritariamente as brasileiras.


 

SERVIÇO:

O quê: Desfile do projeto Renda-se - I Mostra de Moda Alagoana 

Onde e quando: Transmissão ao vivo pelo canal do projeto no youtube, na quinta-feira, 24 de setembro, às 20h

Acesso gratuíto

www.projetorendase.com.br

Instagram: @rendasealagoas

Informações: 99928-8675 (imprensa)

Youtube

nz.png